Computação em nuvem: rumo à virtualização das empresas

Chega de compras de servidores e software pela empresa: todos esses recursos agora podem ser compartilhados e disponibilizados. Como essa nova maneira de usar sistemas computacionais, chamada computação em nuvem, pode simplificar sua vida?

A liberdade com respeito ao nosso consumo histórico de produtos de informática parece utópica? Por outro lado, a chegada da transferência de dados de alta e altíssima velocidade e a proliferação de tecnologias móveis eficientes (smartphones e tablets) permitiram o surgimento da computação em nuvem. Isso não é uma nova tecnologia, mas sim uma nova maneira de usar recursos de informática. Como? Fornecendo os recursos necessários sob demanda pela internet a partir de servidores remotos e seguros, com pagamento por uso. Na prática, as empresas agora não precisam mais investir em servidores, cuja capacidade é aproveitada em apenas 30% ou em software que precisam atualizar. Em vez disso, alugam espaço em servidores externos compartilhados.

Por que a computação em nuvem simplifica sua vida?

cloud-computing-stade3O motivo é antes de mais nada prático: os recursos são acessíveis em todo o mundo. Trata-se então de uma questão de finanças: a terceirização de equipamentos de TI possibilita eliminar custos supérfluos de compra e manutenção, sem contar que os recursos são compartilhados entre todas as empresas que utilizam o serviço. Cada uma paga pelo que usa.

Computação em nuvem: para mim?
Como indivíduo, você talvez já use serviços habilitados pela computação em nuvem, como o armazenamento online de suas fotos, gravações de música ou vários documentos, para disponibilizá-los sempre e onde quiser.

Computação em nuvem, um avanço no qual a VINCI Energies participa

Como resultado, os usuários, sejam eles empresariais ou individuais, podem agora escolher a solução que mais se adapta às suas necessidades: armazenar seus dados em seus próprios servidores ou computadores, ou hospedá-los em uma nuvem privada, ou fazer uso de uma nuvem pública. Algumas empresas também podem escolher soluções híbridas, dependendo do grau de sensibilidade de suas aplicações e da estratégia de SI que desejem implementar.

Nuvens públicas e privadas
Uma nuvem pública é gerenciada por um provedor. Os usuários obtêm acesso a ela via internet e várias entidades compartilham recursos de computação. Uma nuvem privada é usada por uma única empresa e é implantada internamente. Se estiver hospedada por um provedor de serviços, ela só será acessada por redes seguras.

Para que a nuvem exista, é necessário ter locais de armazenamento para todos os dados, chamados de centros de processamento de dados, juntamente com conexões de alto desempenho para acelerar a transferência dos dados armazenados. Para atender à crescente demanda associada à nuvem, as unidades de negócios da VINCI Energies estão envolvidas na implantação de serviços de internet de alto desempenho, bem como na construção de centro de processamento de dados. Deste modo, a Axians implementa a fibra óptica e 4G, além de ajudar empresas a migrar para a nuvem. A marca instalou uma nuvem privada para o estádio do PSV Eindhoven, na Holanda. A Sotécnica AFB, unidade de negócios da VINCI Energies, participou da construção do sexto maior centro de processamento de dados do mundo em Portugal. O Grupo também fornece a manutenção dos centros de processamento de dados por meio das VINCI Facilities.