Redes inteligentes: redes elétricas que evoluem em resposta ao uso

Cada vez mais, ouvimos falar de redes inteligentes. Mas, o que elas são realmente e como mudam nossa maneira de consumir eletricidade?

Smart grid

OMEXOM, opérations de maintenance sur la ligne HT 400kv Salwa-Doha au QATAR. Changement des Warning Lights de la ligneO uso da eletricidade mudou muito desde seus primórdios: desde simples receptores sem fio até aparelhos domésticos, sistemas de aquecimento, telas planas e carros elétricos, os dispositivos têm proliferado e as nossas necessidades de energia aumentado.

Ao mesmo tempo, é necessário integrar novos meios de geração de energia, como os usinas solares e parques eólicos, cujas energias renováveis também podem ser produzidas pelos consumidores (fábricas, edifícios, casas, etc.).

A rede elétrica precisa se tornar inteligente para se adaptar a essas mudanças. Equipadas com avançados dispositivos de análise, diagnóstico, comunicação e monitoramento em tempo real, as redes elétricas devem trocar dados, permitindo a prestação de contas das ações de todas as partes interessadas e, assim, garantir um equilíbrio entre a oferta e a demanda, bem como prever quedas descontínuas na geração de energias renováveis, etc. Em poucas palavras, as redes elétricas são capazes de gerenciar remotamente e direcionar da forma mais eficiente os fluxos de eletricidade gerada e consumida.

Redes inteligentes: consumo inteligente de eletricidade

As redes inteligentes, por meio de conexões com medidores inteligentes, permitem um controle preciso do consumo da eletricidade. Os consumidores são informados em tempo real sobre seu nível de consumo e incentivados a controlá-lo melhor. Eles podem receber sugestões para desligar determinados aparelhos durante os períodos de pico de consumo ou ser informados pelas ferramentas de gerenciamento sobre os horários mais favoráveis ao consumo (tanto técnica como economicamente).

E a medição inteligente?
Os medidores inteligentes são importantes componentes nas redes inteligentes. Eles medem o consumo de eletricidade, água e gás, bem como emissões de luz e dados de detectores de presença, etc. Essas informações são usadas para avaliar o desempenho energético de um edifício e implementar ajustes precisos para responder a condições imediatas ou para configurações de longo prazo.

A VINCI Energies participa ativamente no desenvolvimento de redes inteligentes

CEGELEC Arabie Saoudite, Poste de Salwa pour le GCCIA.Como gerenciador de redes inteiras de transmissão de eletricidade, integrador de equipamentos, desenvolvedor de soluções para tecnologias da informação e comunicação, e gerenciador de instalação.

Ao combinar as competências nessas áreas, a VINCI Energies interconecta as infraestruturas, a instrumentação e os sistemas e serviços de comunicações necessários para desenvolver redes de energia inteligentes, desde a produção até o consumo final.